O que acontece na comunidade judaica de Santa Catarina passa por aqui. Ações, projetos, celebrações, cultura, espiritualidade e muito mais!

sexta-feira, 12 de novembro de 2010

Newsletter Conib - 12-11-10

Conib destaca
Sexta-feira, 12 de Novembro de 2010
Por Celia Bensadon
Textos e manchetes da mídia nacional e estrangeira
Para informar nossos ativistas comunitários


1. Segurança de Israel é chave para paz, dizem Hillary e Netanyahu

http://www.estadao.com.br/noticias/internacional,seguranca-de-israel-e-chave-para-paz-dizem-hillary-e-netanyahu,638610,0.htm

A secretária de Estado americano, Hillary Clinton, prometeu buscar formas de fazer avançar as negociações de paz para o Oriente Médio e garantiu ao primeiro-ministro israelense, Benjamin Netanyahu, que as exigências de segurança de Israel serão "totalmente levadas em conta" em qualquer acordo com os palestinos. Em comunicado conjunto divulgado ontem, depois de um dia de reunião em Nova York, Hillary e Netanyahu "concordaram sobre a importância da continuidade das negociações diretas", interrompidas por causa da expansão de assentamentos judaicos na Cisjordânia (Reuters). Leia mais em:
Hillary promete avanços no Oriente Médio
http://www.estadao.com.br/noticias/internacional,hillary-promete-avancos-no-oriente-medio,638431,0.htm

2. Comitiva israelense sai otimista de encontro com Hillary

http://www.haaretz.com/print-edition/news/israel-claims-progress-in-effort-to-restart-mideast-peace-talks-1.324236

Depois de mais de seis horas de conversações com funcionários americanos em Nova York, um membro da comitiva do primeiro-ministro Benjamin Netanyahu disse que houve progressos no processo para a retomada das negociações de paz com os palestinos. A principal questão discutida no encontro foi o pacote de incentivos que o governo americano oferecerá a Israel se houver novo congelamento das construções em colônias judaicas na Cisjordânia (Por Shlomo Shamir, Haaretz).

3. Bibi quer países árabes em negociações de paz

http://www.estadao.com.br/estadaodehoje/20101112/not_imp638670,0.php

Em conversa com a secretária de Estado Hillary Clinton, o primeiro-ministro Benjamin Netanyahu propôs a inclusão de países árabes nas negociações de paz com a Autoridade Palestina (AP). "Esperamos ampliar as negociações para muitos outros países árabes. Esse é nosso objetivo comum", afirmou Netanyahu, acrescentando ser "bastante sério" o engajamento de Tel-Aviv no processo de paz. Leia mais em:
Israel 'serious' on peace talks, Netanyahu tells Clinton
http://www.haaretz.com/news/diplomacy-defense/israel-serious-on-peace-talks-netanyahu-tells-clinton-1.324198

4. Abbas quer mais do que "slogans" sobre Estado palestino

http://veja.abril.com.br/noticia/internacional/abbas-quer-dos-eua-mais-do-que-slogans-sobre-estado-palestino

O presidente palestino, Mahmud Abbas, afirmou que o apoio norte-americano para a criação de um Estado palestino precisa ir além de "slogans". Para ele, as visões dos Estados Unidos e da Europa começaram a mudar a favor dos palestinos. Porém, ele se diz frustrado diante da recente oposição dos EUA à ideia de levar o pedido de um estado palestino para o Conselho de Segurança da ONU (Veja). Leia mais em:
Abbas considera um compromisso de Obama a entrada da Palestina na ONU
http://www.correiobraziliense.com.br/app/noticia/mundo/2010/11/11/interna_mundo,222752/abbas-considera-um-compromisso-de-obama-a-entrada-da-palestina-na-onu.shtml
Abbas pede fim de assentamentos e acordo de paz
http://www.estadao.com.br/noticias/internacional,abbas-pede-fim-de-assentamentos-e-acordo-de-paz,638516,0.htm

5. Hillary diz que Hezbollah não pode parar tribunal da ONU

http://www.estadao.com.br/noticias/internacional,hillary-diz-que-hezbollah-nao-pode-parar-tribunal-da-onu,638840,0.htm

A secretária de Estado Hillary Clinton advertiu o Hezbollah para que não reinicie a violência no Líbano. Segundo ela, o grupo militante xiita não pode interromper a investigação de um tribunal das Nações Unidas sobre o assassinato de um ex-primeiro-ministro libanês. As declarações de Hillary foram publicadas hoje no jornal libanês An-Nahar. Hillary se referia à ameaça do líder do Hezbollah, xeque Hassan Nasrallah, que afirmou que seu grupo iria "cortar a mão" de qualquer um que tentasse prender seus militantes pelo assassinato em 2005 do ex-premiê Rafik Hariri (Agência Estado). Leia mais em:
Clinton warns Hizbullah it cannot stop UN tribunal
http://www.jpost.com/MiddleEast/Article.aspx?id=195076
Clinton warns against Syria-Hezbollah arms smuggling
http://www.haaretz.com/news/diplomacy-defense/clinton-warns-against-syria-hezbollah-arms-smuggling-1.324346
Hezbollah diz que vai resistir caso haja prisão
http://www.estadao.com.br/noticias/internacional,hezbollah-diz-que-vai-resistir-caso-haja-prisao,638565,0.htm

6. “Hillary diz não”

No vaivém do esforço diplomático de agendar uma reunião entre Europa, EUA e o Irã, para buscar um acordo sobre o programa nuclear, o destaque da ABC News anunciava ontem, apesar da pressão crescente de Teerã, “Secretária Clinton: não existe um papel para Turquia e Brasil nas negociações com o Irã” (Por Nelson de Sá, Folha de S.Paulo).

7. Chanceler israelense diz que não há chance de paz com a Síria

http://oglobo.globo.com/mundo/mat/2010/11/11/chanceler-israelense-diz-que-nao-ha-chance-de-paz-com-siria-923002935.asp

O chanceler israelense, Avigdor Lieberman, disse que não há a menor chance de concluir um acordo de paz com a Síria enquanto o presidente Bashar al-Assad estiver no poder. "Apenas um hipocondríaco político diria que a Síria é um parceiro de paz, certamente sob a atual liderança", disse Lieberman, que lidera o partido ultranacionalista Yisrael Beitenu, principal parceiro na coalizão de direita que governa Israel. O ministro fez os comentários durante uma visita às Colinas de Golã, planalto estratégico tomado da Síria pelos israelenses durante a Guerra dos Seis Dias, em 1967 (Reuters). Leia mais em:
Lieberman: Israel shouldn't pursue peace talks with Syria
http://www.haaretz.com/news/diplomacy-defense/lieberman-israel-shouldn-t-pursue-peace-talks-with-syria-1.324175  
Above the Fray: Syria’s dilemma
http://www.jpost.com/Opinion/Columnists/Article.aspx?id=194904

8. Em coma desde 2006, Ariel Sharon é transferido do hospital para casa

http://www.estadao.com.br/noticias/internacional,em-coma-desde-2006--ariel-sharon-e-transferido-do-hospital-para-casa,638819,0.htm

O ex-primeiro-ministro israelense Ariel Sharon, em coma desde 2006, foi transferido do hospital para sua casa na Fazenda dos Sicomoros, na parte meridional do deserto do Neguev, em Israel. A transferência foi realizada em sigilo, para que Sharon não pudesse ser fotografado enquanto era colocado na ambulância. Várias patrulhas do serviço secreto e da polícia o escoltaram durante todo o trajeto, informou a imprensa local. Segundo comunicado do Hospital Tel Hashomer, nos arredores de Tel Aviv, a mudança foi solicitada pelos filhos do ex-premiê, Guilad e Omrí (Efe).

9. Viegas é favorito para substituir Amorim no Itamaraty

http://www.estadao.com.br/noticias/nacional,viegas-e-favorito-para-substituir-amorim-no-itamaraty,638812,0.htm

O ministro das Relações Exteriores, Celso Amorim, está com um pé de fora do futuro governo da presidente eleita, Dilma Rousseff. Ele nem sequer acompanhou o presidente Luiz Inácio Lula da Silva para a reunião do G-20, o mais importante fórum mundial escolhido pelo atual presidente para fazer sua despedida internacional e apresentar sua sucessora. Para o lugar de Amorim três nomes despontam com força: José Viegas, que foi o primeiro ministro da Defesa de Lula e atualmente é embaixador do Brasil em Roma, Nelson Jobim, atual ministro da Defesa, e Antonio Patriota, secretário-geral do Itamaraty. Destes, de acordo com informações de integrantes das Relações Exteriores, Viegas é o favorito no momento. As informações são do jornal O Estado de S. Paulo (Agência Estado).

10. Amorim é desconvidado a acompanhar Lula no G20

O chanceler Celso Amorim foi desconvidado pelo Palácio do Planalto a participar da cúpula do G20 em Seul. O compromisso estava registrado na agenda do chanceler e sua reserva no Imperial Palace, hotel no qual ficou toda a comitiva , também já estava providenciada, quando um telefonema do cerimonial do Planalto à sua secretária privada o avisou que ele não precisaria ir. A aviso criou grande mal-estar, ainda mais porque Amorim acompanhou o presidente na primeira etapa da viagem, até Moçambique (Por Clovis Rossi, Folha de S.Paulo).

11. Brasil integrará conselho executivo da ONU-Mulheres

http://www.dci.com.br/noticia.asp?id_editoria=2&id_noticia=350045

Brasil, Angola, Cabo Verde e Timor-Leste estão entre os paises lusófonos no Conselho Executivo da ONU-Mulheres, a nova instituição da organização que desde janeiro substituirá quatro agências que cuidam da agenda feminina nas Nações Unidas. Os quatro paises estão ao lado de mais 37 nações com mandatos de dois e três anos na nova instituição que entrará em vigor no dia 1º de janeiro de 2011 e é liderada pela ex-presidente do Chile, Michelle Bachelet. A ONU-Mulheres tem como missão promover a igualdade de gênero e a autonomia feminina em todo o mundo (DCI). Leia mais em:
Irã é barrado em agência da ONU
http://www.destakjornal.com.br/readContent.aspx?id=10,78791

12. “Meia-irmã”

Durante o lançamento do livro de Eva Schloss, meia-irmã de Anne Frank, o ator Milton Gonçalves encenará um trecho da peça Diário de Anne Frank, na qual  interpreta o pai da garota judia que se tornou um símbolo do horror nazista. O evento acontecerá na quinta-feira (dia 18), às 19h30, no clube A Hebraica (Rua Hungria, 1.000, Jardim Paulistano), onde Eva fará a conferência Educação pela Paz, seguida de sessão de autógrafos de seu livro, publicado recentemente pela Editora Record. Nesse mesmo dia, ela fará uma visita ao CEU (Centro Educacional Unificado) de Paraisópolis, que abrigou em abril deste ano a exposição Anne Frank – Uma história para hoje.  Sobrevivente do Holocausto, Eva Schloss, cuja mãe foi casada em segundas núpcias com o pai de Anne Frank, Otto Frank, estará em São Paulo para lançar o livro A História de Eva e participar de encontros e palestras (Cesar Giobbi). Leia mais em:
Lembranças da barbárie
http://www.diariodepernambuco.com.br/2010/11/12/viver1_1.asp

13. A vida de Anne Frank em quadrinhos

http://www.dw-world.de/dw/article/0,,6218839,00.html

Mostrar uma história conhecida no mundo todo para crianças e jovens de maneira atual é o objetivo de Hans Westra, diretor da Fundação Anne Frank, com o lançamento da edição em quadrinhos do Diário de Anne Frank. A versão em quadrinhos, de aproximadamente 160 páginas, foi ilustrada pelo norte-americano Ernie Colón e os textos ficaram a cargo de Sid Jacobson. Lançado primeiramente na Holanda em julho deste ano, a versão alemã chegou às livrarias na ultima quarta-feira. O plano é lançar o quadrinho em outros países nos próximos meses (Deutsche Welle).

Leia mais em:
(visite nosso novo site: http://www.conib.org.br/)

Netanyahu exploited his U.S. trip to embarass Obama
http://www.haaretz.com/print-edition/opinion/netanyahu-exploited-his-u-s-trip-to-embarass-obama-1.324266

Israel needn't become as repressive as Iran
http://www.haaretz.com/print-edition/opinion/israel-needn-t-become-as-repressive-as-iran-1.324268

America’s third Middle Eastern war
http://www.jpost.com/Opinion/Op-EdContributors/Article.aspx?id=194802

Advogado de Sakineh pedirá ajuda ao papa Bento XVI
http://www.estadao.com.br/noticias/internacional,advogado-de-sakineh-pedira-ajuda-ao-papa-bento-xvi,638370,0.htm

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Olá! Gostamos muito de sua visita. Obrigado pela sua mensagem!