O que acontece na comunidade judaica de Santa Catarina passa por aqui. Ações, projetos, celebrações, cultura, espiritualidade e muito mais!

quinta-feira, 17 de outubro de 2019

Last Call: Sukot

E tudo começou no Ano Novo... Rosh Hashana... Dias intensos, dias de reflexão, dias de de realizar conexões... Passo a passo, você caminhou em direção a Iom Kipur, Dia do Perdão: momento de relembrar os que se foram e celebrar a vida. Momento de aprender com a jornada de Jonas. Mas a caminhada continua e mais uma chance se coloca à sua frente: Sukot, a Vesta das Cabanas. E o que uma cabana? Algo frágil, mas que você constrói e habita, dando significado ao que é material. Não importa a casa, palácio ou casebre, ela só é um lar quando existe, ali dentro, uma emoção, um coração. É você que transforma o espaço, e seu lar estará onde você estiver.
Sukot é o momento de reafirmar sua fé e sua esperança em você mesmo e naqueles que o rodeiam. É o momento de mostrar que sim, você pode e consegue transformar o mundo. É o momento de transpor a última fresta dos portais dos céus, ainda entreabertos.
Venha celebrar Sukot na AIC neste lindo Shabat, com o chazan Luis Prist. 
Traga suas comidinhas deliciosas para a celebração que faremos comunitariamente!
SERVIÇO
O quê: Shabat e Sukot
Quando: 18 de outubro, sexta-feira, 19:30
Onde: AIC




Expo Nossa Luta

(na foto: Abertura oficial. Carlos Reiss, dir. Museu do Holocausto (e) e Dr. Pe. Edinei da Rosa Cândido, dir. FACASC. (d). 
Dia 14 de outubro de 2019, foi inaugurada, com sessão solene no auditório da FACASC, Faculdade Católica de Santa Catarina, a importante exposição que traz a história, pouco conhecida, dos negros no holocausto. O evento, como colocou o Dr. Pe. Edinei da Rosa Cândido, diretor da FACASC na abertura, traz uma mensagem fundamental de paz, compreensão e acolhimento aos excluídos. Esta mensagem foi enfatizada por todas as autoridades presentes. A Profa. Regina Célia da Silva Suenes (Secretaria de Desenvolvimento Social), representou o Governo do Estado e destacou as ações de inclusão.
Em nome da prefeitura de Florianópolis, o Sr. Juninho Mamão (COPPIR, Coordenadoria Municipal de Políticas Públicas para a Promoção de Igualdade Racial) e a Profa. Roseli Pereira (FCFFC, Fundação Cultural Franklin Cascaes) também salientaram a importância da mostra. O Sr. Marcos Canetta, do Instituto Liberdade, relembrou a trajetória de lutas e conquistas da entidades sociais em prol dos Direitos Humanos. Finalizando, o diretor do Museu do Holocausto em Curitiba, Sr. Carlos Reiss, apresentou um importante apanhado sobre a curadoria de exposição. Conforme colocou Carlos, “O holocausto é um fato histórico que serve como exemplo para combater as injustiças ainda atuais e para promover a tolerância. O pioneirismo deste trabalho está justamente na conexão feita entre a perseguição nazista, os Direitos Humanos e a Consciência Negra, trazendo o passado para o presente e para o futuro.”
Encerrando a abertura, a vice-presidente da AIC, Associação Israelita Catarinense, Profa. Ethel Scliar Cabral, salientou a relevância desta parceria, em que escolas de toda a região terão oportunidade para que jovens estudantes vivenciem o contato com episódios tão marcantes.
SERVIÇO
O que: Exposição Nossa Luta
Onde: FACASC, R. Dep. Antonio Eleuterio Vieira, 1524
Quando: A exposição fica aberta até o dia 30 de outubro de 2019.
Agendamentos para grupos e informações por e-mail: secretaria@aic-sc.org.br
Visitante na exposição "Nossa luta: a perseguição aos negros no holocausto"




Nenhum comentário:

Postar um comentário

Olá! Gostamos muito de sua visita. Obrigado pela sua mensagem!