O que acontece na comunidade judaica de Santa Catarina passa por aqui. Ações, projetos, celebrações, cultura, espiritualidade e muito mais!

quinta-feira, 18 de novembro de 2010

Newsletter Conib - 17-11-10

Conib destaca
Quarta-feira, 17 de Novembro de 2010
Por Celia Bensadon
Textos e manchetes da mídia nacional e estrangeira
Para informar nossos ativistas comunitários

1. “O futuro de Israel é nosso futuro”, diz Aznar

http://www.aurora-israel.co.il/articulos/israel/Newsletter/33205/?utm_source=Noticias+diarias+Miercoles-TEA&utm_medium=17-11-2010%202da%20edic

O ex-chefe de governo espanhol Jose Maria Aznar defendeu a necessidade de se conscientizar a comunidade internacional sobre a importância de Israel para o Ocidente. “Israel é parte do Ocidente. Os problemas de Israel são nossos problemas e o futuro de Israel é nosso futuro”, disse Aznar. Em entrevista, Aznar destacou o papel do Brasil na América Latina. “Devemos fazer com que o Brasil, que já não é o país do futuro e sim do presente, também esteja do nosso lado”, concluiu. Aznar defendeu a iniciativa do grupo “Amigos de Israel”, do qual faz parte junto com outros líderes políticos e intelectuais de vários países (Aurora).

2. Lottenberg critica presença de bancos e fundos na saúde

http://www.valoronline.com.br/impresso/albert-einstein/3506/336995/lottenberg-critica-presenca-de-bancos-e-fundos-na-saude

Prestes a assumir mais um mandato de um dos hospitais mais importantes do país, o Albert Einstein, o médico oftalmologista Cláudio Lottenberg, critica fundos e bancos que buscam lucro na área da saúde, confirma que recebeu propostas do BTG para vender sua clínica particular de oftalmologia e informa que o empresário Eike Batista participará do projeto de uma nova unidade do Einstein no Rio. Aos 50 anos, Lottenberg diz que, a partir de 2016, quando deixará o comando do Eisntein, gostaria de voltar à vida pública. Sobre a presidente eleita, Dilma Rousseff, disse: “Eu acho que ela conhece mais estratégia, enxerga um pouco mais a importância da infraestrutura. Acho que ela deixa uma lacuna no trato político e a gente sabe que isso é importante para o político viabilizar tudo isso. Mas se ela conseguir aproveitar as qualidades que tem, se assessorar de gente competente. E, aparentemente, ela está buscando bons quadros partindo dela ou do próprio PMDB. Pode-se dizer de tudo do Michel Temer, mas ele é um expert em conciliação. Se ela souber aproveitar o relacionamento dele, aproveitar o papel de um Palocci, que é um bom intermediador, e se ela tiver, sobretudo, independência, e se o atual presidente suportar essa independência dela, acho que a Dilma pode fazer um bom governo” (Por Beth Koike, Valor Econômico).

3. ‘Não sabemos por onde começar’, diz médica brasileira no Haiti

http://g1.globo.com/mundo/noticia/2010/11/nao-sabemos-por-onde-comecar-diz-medica-brasileira-no-haiti.html

Os médicos voluntários que foram ao Haiti para tratar as vítimas da cólera estão de mãos atadas por problemas logísticos. A avaliação é de Tais Rodrigues Lara, médica especializada em cuidados intensivos do Hospital Israelita Albert Einstein. “A gente não sabe nem por onde começar, e fica frustrado porque queria ajudar mais”, disse Tais, por telefone, ao G1 (G1).

4. Israel aprova plano de retirada de povoado sírio-libanês

http://noticias.terra.com.br/mundo/noticias/0,,OI4795913-EI294,00-Israel+aprova+plano+de+retirada+de+povoado+siriolibanes.html

O governo israelense aprovou a retirada de suas tropas da parte norte de Ghajar, povoado sírio-libanês dividido, para entregar seu controle às forças da ONU no Líbano, informaram fontes oficiais. O governo, no entanto, não indicou a data da retirada. "A comissão ministerial para questões de segurança decidiu nesta quarta-feira aceitar o princípio de uma proposta da ONU e do comandante da FINUL, que prevê a retirada das forças israelenses da parte norte do povoado de Ghajar e seu recuo até o sul da Linha Azul", explicou um comunicado do gabinete do primeiro-ministro Benjamin Netanyahu (AFP). Leia mais em:
Israel approves unilateral pullout from divided border town
http://www.haaretz.com/news/diplomacy-defense/israel-approves-unilateral-pullout-from-divided-border-town-1.325185
Security cabinet approves unilateral withdrawal from Ghajar
http://www.jpost.com/Israel/Article.aspx?id=195676

5. Netanyahu condiciona votação sobre moratória a promessas americanas
http://br.noticias.yahoo.com/s/16112010/40/politica-netanyahu-condiciona-votacao-moratoria-promessas.html

O primeiro-ministro israelense, Benjamin Netanyahu, levará à votação uma nova moratória para a colonização na Cisjordânia quando a Administração Obama enviar por escrito garantia de que cumprirá o acordo estabelecido entre as duas nações. As declarações foram feitas pelo vice-primeiro-ministro, Dan Meridor, e pelo ministro das Finanças, Yuval Steinitz. "Ainda não temos uma proposta final por escrito que possa ser debatida", afirmou Steinitz à rádio militar israelense. Washinton teria prometido vetar as tentativas palestinas para que o Conselho de Segurança da ONU reconheça formalmente um Estado palestino, conceder um pacote de ajuda militar e de garantias das fronteiras israelenses e que esse seria o último pedido para Israel interromper a colonização (Yahoo Noticias). Leia mais em:
Netanyahu atrasa votação da moratória por divergências com os EUA
http://www1.folha.uol.com.br/mundo/831706-netanyahu-atrasa-votacao-da-moratoria-por-divergencias-com-os-eua.shtml
'PA opposition delaying written US freeze proposal'
http://www.jpost.com/Israel/Article.aspx?id=195573
Ministros árabes analisarão proposta os EUA a Israel
http://www.prensa-latina.cu/index.php?option=com_content&task=view&id=238347&Itemid=1

6. Ação militar não afetará programa nuclear do Irã, diz Gates

http://www.estadao.com.br/noticias/internacional,acao-militar-nao-brecara-programa-nuclear-do-ira-diz-gates,640694,0.htm

O secretário de Defesa dos EUA, Robert Gates, disse ser contra uma ação militar contra o Irã, pois um ataque só adiaria sua capacitação nuclear em dois ou três anos. Segundo ele, uma ação militar nesse sentido apenas faria com que Teerã mantivesse essa iniciativa mais "encoberta". Em conferência organizada pelo Wall Street Journal, ele afirmou que sanções impostas pela ONU e por diversos países "afetaram de forma muito mais dura do que o antecipado [pela liderança iraniana]". O Ocidente suspeita que o Irã use seu programa nuclear para fabricar armas. Teerã nega (Agência Estado). Leia mais em:
Gates: Iran strike wouldn't stop nuclear program
http://www.jpost.com/International/Article.aspx?id=195580
New sanctions led by U.S. are causing divisions within the Iranian leadership, Gates says
http://www.washingtonpost.com/wp-dyn/content/article/2010/11/16/AR2010111606310.html

7.Irã inicia maior exercício de defesa antiaérea de sua história

http://oglobo.globo.com/mundo/mat/2010/11/16/ira-inicia-maior-exercicio-de-defesa-antiaerea-de-sua-historia-923038024.asp

O Irã iniciou na terça-feira o que disse ser o maior exercício de defesa antiaérea já realizado pelo país. A emissora Press TV, que transmite em inglês, informou que as atividades vão durar cinco dias e estarão concentradas em locais próximos de instalações nucleares e incluem o uso de mísseis de longo alcance. "As manobras militares de larga escala ... irão melhorar a prontidão para confrontar possíveis ameaças ao espaço aéreo do Irã e a centros nucleares, muito populosos ou vitais", disse o brigadeiro Ahmad Mighani, chefe da unidade responsável por reagir a ameaças aéreas (O Globo). Leia mais em:
Irã promove exercícios aéreos militares alegando necessidade de defesa sobre eventuais ataques
http://agenciabrasil.ebc.com.br/home?p_p_id=56&p_p_lifecycle=0&p_p_state=maximized&p_p_mode=view&p_p_col_id=column-2&p_p_col_pos=2&p_p_col_count=3&_56_groupId=19523&_56_articleId=1103125

8. Líbano anuncia ajuda militar russa

http://www.aurora-israel.co.il/articulos/israel/Newsletter/33207/?utm_source=Noticias+diarias+Miercoles-TEA&utm_medium=17-11-2010%202da%20edic

O primeiro-ministro libanês, Saad Hariri, anunciou que a Rússia vai fornecer ao Líbano tanques, helicópteros e peças de artilharia. “São 31 tanques, 6 helicópteros, 36 peças de artilharia e munição”, disse Hariri, destacando que “para se manter a paz é necessário ter um Exército forte e bem equipado”. O acordo para a venda de armas foi feito durante encontros de Hariri com o presidente russo, Dmitri Medvedev, e com o primeiro-ministro, Vladímir Putin (Aurora).

Leia mais em:
(visite nosso novo site: http://www.conib.org.br/)

Remarks Before 2010 Conference on Combating Anti-Semitism
http://www.state.gov/g/drl/rls/rm/2010/150920.htm

Netanyahu has shot himself in the foot in needless rows with Obama
http://www.haaretz.com/print-edition/opinion/netanyahu-has-shot-himself-in-the-foot-in-needless-rows-with-obama-1.325115

PMO: E. Jerusalem not part of US freeze proposal
http://www.jpost.com/MiddleEast/Article.aspx?id=195678

Erdogan's Jewish classmate targeted in Turkey
http://www.ynetnews.com/articles/0,7340,L-3985535,00.html

What about recognition?
http://www.ynetnews.com/articles/0,7340,L-3985354,00.html

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Olá! Gostamos muito de sua visita. Obrigado pela sua mensagem!